Eu não tenho ídolos. Tenho admiração por trabalho, dedicação e competência. (Ayrton Senna)

DICAS

Dica - Tese de Doutorado - Bioeletrografia - Fotos Kirlian

 

PARA CITAR ESTE TRABALHO

BUCK, K.H. Análise da emissão cutânea de energia radiante dos dedos das mãos, na avaliação da saúde física em atletas, não atletas e portadores de patologias. Tese de Doutorado - Faculdade de Ciências da Saúde. Universidade Metodista de Piracicaba, Piracicaba - SP,  2017.

 

TESE COMPLETA - CLIQUE AQUI

Os campos de energia humanos, são citados nas práticas médicas orientais, como por exemplo na Medicina Tradicional Chinesa há milhares de anos, no entanto estes campos de energia foram rejeitados pelos cientistas ocidentais devido à falta de evidências científicas objetivas que comprovassem sua existência (SUMATHY et al. 2017). Atualmente a ciência se debruça em pesquisas que tragam maior compreensão sobre estes campos de energia humanos, também conhecidos como  “biofield”.

O Biofield descreve um campo de energia e informação, que regula as funções homeodinâmicas dos organismos vivos e pode desempenhar um papel substancial na compreensão e orientação dos processos de manutenção da saúde (JAIN et al., 2015). Nestes campos pode-se detectar alterações ao nível quântico, com potencial de plasmarem no nível da matéria, desenvolvendo patologias, ou seja, detecta-se uma possível patologia antes mesmo desta se manifestar no corpo físico. 

As pesquisas em Biofield tiveram grande avanço quando em 1995  um grupo de pesquisadores da Universidade de São Petersburgo na Rússia, desenvolveu a técnica de fotografar, de maneira digital, a emissão de fótons e elétrons pelo tecido cutâneo, a chamada foto bioeletrográfica digital. Estas fotos são analisadas através de algoritmos compilados em um software. Atualmente a foto eletrográfica é utilizada em diversas áreas como: medicina, biologia, psicologia, treinamento esportivo, agronomia, farmácia, dentre outras (KOROTKOV et al., 2014).

Portanto, a bioeletrografia faz uma ligação entre a cultura oriental e ocidental ao mensurar os campos de energias emitidos por materiais biológicos, através da mensuração da emissão de fótons e elétrons destes materiais, relacionando a intensidade e volume destas emissões com condições psicoemocionais e  fisiológicas nos seres vivos, e detectando disfunções orgânicas antes mesmo do aparecimento de sintomas.




  << Voltar